Número total de visualizações de página

Os meus blogues

Os meus blogues...

quinta-feira, 5 de maio de 2011

«JÉSUS ET ISRAËL» - «JESUS E ISRAEL» - JULES ISAAC



«JESUS ET ISRAËL»
   JULES ISAAC
(Nouvelle Édition) - 1959
FASQUELLE ÉDITEURS
1ére Édition - 1948
ALBIN MICHEL




«JESUS E ISRAEL»
  JULES ISAAC
(Versão em Português)
Tradução a partir da edição de 1959:
J. GUINSBURG, PLÍNIO MARTINS FILHO e ATTÍLIO CANCIAN
NOTA: A edição desta obra foi possível graças ao apoio da
             CONFEDERAÇÃO ISRAELITA DO BRASIL!
COLECÇÃO ESTUDOS, nº 87
EDITORA PERSPECTIVA S.A.
SÃO PAULO - BRASIL
1986


JULES ISAAC (1877-1963), tornou-se famoso pela sua colaboração com ALBERT MALLET na edição de MANUAIS DE HISTÓRIA, abrangendo todos os períodos! Tenho a felicidade de  possuir todos...


O presente livro, iniciado, redigido, terminado através das piores provas e provações, é antes de mais um grito de dor! Nascido em meio à tragédia inominável que a sanha nazi impôs à Humanidade, e ao Povo JUDEU em particular! É um livro de paixão, no sentido mais forte e mais doloroso do termo...Nele ecoa o desespero e a perplexidade da vítima inocente e indefesa que se interroga sobre a causa, o por quê e o modo como esse horror foi possível!
É também um acto de fé, de fé no poder do AMOR que deve prevalecer sobre todas as forças mortíferas do DESPREZO e do ÓDIO. No plano das realidades, visa uma abordagem justa do ensino CRISTÃO acerca de ISRAEL!...
O autor convida o seus leitores ao mais severo exame de consciência. Que Cristão digno desse nome poderia eximir-se a esse acto de contrição?!...


Porém para que se possa alcançar esse fim, JULES ISAAC com os métodos da análise racional e com as informações da pesquisa científica examina de cima abaixo os textos evangélicos no seu contexto, como o indica a «HISTÓRIA DAS FORMAS», inserido-os no seu contexto histórico (´sitz im leben`)!...
Vai assim ás raízes, aos fundamentos históricos e teológicos, únicos que permitem acabar de vez com mal entendidos!


http://mauricepinay.blogspot.com/2008/02/cardinal-kasper-publicly-appeals-to.html

Sem comentários:

Pesquisar neste blogue