Número total de visualizações de página

Os meus blogues

Os meus blogues...

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

«LE MARXISME ET SON OMBRE» - ´ROSA LUXEMBOURG` - André Nataf (Autor de várias obras Esotéricas) - («O Marxismo e a sua sombra»)



«LE MARXISME ET SON OMBRE»
      ´ROSA LUXEMBOURG`
          André Nataf

«O Marxismo e a sua sombra»
       ´Rosa Luxemburgo`
André Balland 
Paris, 1970
240 págs.
Depósito Legal: 2º Trimestre 1970


Através da personagem de Rosa Luxemburgo e tirando partido da psicanálise e do esoterismo, este livro é, de facto, uma reflexão sobre a face oculta do marxismo!

«´É um facto incontestável que sem uma liberdade ilimitada na imprensa, sem uma liberdade
absoluta de reunião e de associação, a dominação exercida por largas massa populares é inconcebível.

´As tarefas gigantescas a que os bolchevistas meteram ombros com coragem e decisão, neces-
sitam da educação política a mais intensiva possível das massas e uma acumulação de experiências que não é possível sem liberdades políticas. A liberdade reservada apenas aos
partidários do governo ou só aos membros do Partido - mesmo que fossem tão numerosos como se desejaria - não é a liberdade. ´A Liberdade é sempre a liberdade daquele que
pensa de modo diferente.`

´...abafando a vida pública em todo o país, é fatal que a paralisia chegue aos próprios sovietes...
A vida pública entra pouco a pouco no sono. Algumas dezenas de dirigentes do partido de energia
inesgotável, de idealismo sem limites, dirigem e governam... , uma elite da classe operária é de tempos a tempos convocada para aplaudir os discursos dos chefes, votar por unanimidade as resoluções que lhe apresentam - é portanto, no fundo, um governo de força, uma ditadura por
certo, mas não a ditadura do proletariado e sim a de um punhado de politiqueiros, isto é, uma ditadura no sentido burguês do termo, no sentido jacobino de dominação...»

Rosa Luxemburgo, ´Sobre a Revolução Russa`

  ´A quella luce cotal si
diventa, che volgersi da lei
per altro aspetto
   é impossilbili che mai si con-
tenta.`

   ´A esta luz, torna-nos
de tal modo
    Que jamais é impossível
  Desviarmo-nos dela`

Dante , ´A Divina Comédia`
                                O Paraíso,
                           XXXIII, 100-102.

Este ensaio entrega-se ao desejo de escrever... , isto é de se entregar a uma ´OPERATIO` de
tipo alquímico. Transmutar o aborrecimento em prazer.

Uma série de ´banalidades` que se não forem controladas conduzem à resignação...
Uma multidão de problemas cresce vertiginosamente.
Gravitam todos em torno da interrogação de Rosa Luxemburgo:
´Socialismo ou Barbárie` (?)

....
O Autor propõe uma leitura completamente ´inédita`... uma leitura do «Marxismo: Rosa Luxemburgo- a ANIMA ; Karl Marx - o ANIMUS...

Quem decidir ler esta árdua obra sairá agraciado pela oportunidade de ver o Marxismo a uma
´Luz´ totalmente transfigurada e transfiguradora! ...


http://skocky-alcyone.blogspot.com/2010/08/rosa-luxemburgo-viva-antologia.html
http://ocirculohermtico.blogspot.com/2010/09/os-mestres-do-ocultismo-andre-nataf-les.html






Sem comentários:

Pesquisar neste blogue