Número total de visualizações de página

Os meus blogues

Os meus blogues...

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

«MARTINHO LUTERO» - ´Um Destino` - Lucien Febvre




«MARTINHO LUTERO»
´Um Destino`
Lucien Febvre
Tradução de Maria Elizabeth Cabral
sobre a 4ª edição francesa, publicada na 
Colecção ´Hier` das Presses Universitaires de France
«Un Destin: Martin Luther
Paris- 1968
1ªedição portuguesa, Setembro de 1976
Capa: José Cândido
´Colecção Tempo Aberto
Direcção de Victor dos Santos Gonçalves
Assistente de Departamento de História
da Faculdade de Letras de Lisboa



Numa Europa que, por todo o lado, se organizava em torno dos reis, a Alemanha permanecia sem um soberano nacional. Não existia rei da Alemanha, como há longo tempo existia um rei da França, um rei de Inglaterra, ricos, bem servidos, prestigiados, e sabendo concentrar nos momentos de crise todas as energias do país em redor da sua pessoa e da sua dinastia. Existia um Imperador (Carlos V, neste caso) que nada mais era que uma espécie de ´funcionário`. Nessa ´função` enorme, o nome, o nome demasiado grande, esmagava com o seu peso um homem fraco, um homem ´pobre` - por vezes um pobre homem - que um voto, disputado como uma mercadoria da feira, elevava finalmente à sua dignidade suprema, mas ´impotente`.
Uma biografia de Lutero, então? Não! Um julgamento de Lutero? Ainda menos!...
Desenhar a curva de um destino que foi simples mas trágico; descobrir com precisão os vários pontos verdadeiramente importantes por onde ele passou; mostrar como, sob a pressão de algumas circunstâncias, o ímpeto inicial devia enfraquecer e inflectir o traço primitivo; colocar assim, a respeito de um homem de uma vitalidade singular, o problema das relações do indivíduo e da sociedade, da iniciativa pessoal e da necessidade social, que é, talvez, o problema capital da história: tal o propósito do Autor!...

Esta obra esteve esgotada durante mais de duas décadas e fiz o scan da capa da 1ª edição, pois neste ´espaço` dou conta apenas do que li, para servir a quem for útil, não estou ao serviço de nenhuma editora, antes procuro traçar uma espécie de rasto autobiográfico servindo-me das leituras que fiz!

Dada a importância da obra ´incontornável sobre a história do século XVI e da Reforma, que faz reviver Lutero no seu papel heróico de profeta inspirado, esta obra de Lucien Febvre merecia de há muito voltar às mãos do leitor português` e porque sei de uma nova edição portuguesa, feita pelas Edições  ´ASA` , aqui deixo a referência do livro:

«Martinho Lutero, um Destino»
Lucien Febvre
Colecção: Sinais
290 páginas
ISBN: 972-41-1298-5

´Nele o historiador dos - Annales- , para além de nos fazer assistir a um momento capital da história do Ocidente, coloca o problema das relações entre o indivíduo e a colectividade, entre
a iniciativa pessoal e a necessidade social, que estiveram na base das formulações da - ´Nova História`.





Sem comentários:

Pesquisar neste blogue