Número total de visualizações de página

Os meus blogues

Os meus blogues...

sexta-feira, 25 de maio de 2012

«A IGREJA ORTODOXA» - ´Acerca da nova política religiosa de Estaline ` - PANFLETO DESESPERADO DE PROPAGANDA NAZI!

                                                          MARECHAL VON PAULUS
                                                              2 de Fevereiro de 1943
                                                          Rendição em Estalinegrado








                                                          O ´ESTALINISMO DE GUERRA`
                                                     Setembro de 1943 Estaline recebe
                                                        no Kremlin 3 Metropolitas da
                                                        IGREJA ORTODOXA RUSSA
                                                  4 de Setembro o Metropolita SÉRGIO 
                                                nomeado PATRIARCA de Todas as Rússias
                                                APÊLO À GUERRA SANTA E PATRIÓTICA



       «A IGREJA ORTODOXA»
´Acerca da nova política religiosa de Estaline`
   Panfleto de Propaganda do III REICH
Impressão: «CURENTUL» - Calea Dudesti 7. Bucaresti
1943
(A Roménia sendo uma nação de língua novi-latina e 
 de Religião Ortodoxa, era de esperar que a propaganda,
 por exemplo, em português fosse realizada em Bucareste!)
12 imagens
75 págs.




A uma primeira análise dá-se de imediato conta do desespero dos dirigentes Nazis, perante o êxito
obtido pelos colaboradores de Estaline em conseguir convocar três Metropolitas da Igreja Ortodoxa
Russa ao Kremlin! Isto em Setembro de 1943, ano da tremenda derrota Alemã em Estalinegrado!
A foto com dois desses dignitários tendo o retrato de Estaline ao centro, deve ter feito tremer de raiva
Hitler e seus sequazes...Molotov tentou que o próprio Estaline estivesse na foto, porém este teve de
se retirar abruptamente para assistir a uma reunião de grande importância!


O panfleto de propaganda esquece grosseiramente que não existe uma Igreja Ortodoxa, mas sim uma ORTODOXIA da qual se reivindicam vária Igrejas Ortodoxas Autocéfalas!...
O Patriarcado Ecuménico de Constantinopla, desde 1453 submetido ao Turco Otomano, agrega em
comunhão várias Igrejas Ortodoxas, porém contrariamente à Igreja Católica Romana, altamente
centralizada, não tem poder para se imiscuir nas Igrejas autocéfalas. O Patriarcado de Moscovo,
pensado e criado como uma Terceira Roma, foi dissolvido por Pedro o Grande e a partir daí passou
por grandes crises. 
Após a luta anti-religiosa e ateia do bolchevismo contra a Igreja, abriu-se um grande fosso que foi
possível preencher durante algum tempo devido à agressão nazi à U.R.S.S.!... Essa aliança, bem como o contributo decisivo dos judeus soviéticos na luta contra o nazismo e a coragem e sacrifício
dos povos da União Soviética...mais de vinte milhões de mortos e mil cidades destruídas!...




Só assim se compreende o interesse alemão na «IGREJA ORTODOXA»...Grécia, Sérvia, Bulgária,
Roménia, Ucrânia, e grande parte da Rússia ocupadas, bem como comunidades Ortodoxas em
países como a Polónia, eram fáceis em explorar o seu ódio a um regime ateu que tanto perseguiu
a Religião! Um clero ferozmente anti-semita (os «pogroms»), amedrontado pela ocupação alemã e
em geral muito ignaro em teologia - ressalva-se os ´monges`, profundamente cultos, mas não fazendo
parte do clero, como na Igreja Romana...


O livrinho começa com uma introdução da lavra de quem foi treinado na ´agitprop` à Göbbels, à qual se seguem protestos e recriminações contra a eleição ´espúria` do Patriarca Sérgio e um reconhecimento de gratidão para com o «REICH» de Mil Anos...

                                               Novembro / Dezembro de 1943 
                                                 CONFERÊNCIA DE TEERÃO


http://ukraine.perso.libertysurf.fr/sobor.htm
http://www.strategium-alliance.com/histoire/le-xxeme-siecle/la-seconde-guerre-mondiale/le-stalinisme-de-guerre/












Sem comentários:

Pesquisar neste blogue